Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Aumento do preço dos "chapas" causa receios de violência em Maputo

Lusa

  • 333

Maputo, 15 nov (Lusa) - Grande parte do comércio em Maputo encerrou hoje de manhã e milhares de pessoas estavam a regressar a casa devido a rumores de incidentes na capital moçambicana suscitados pelo aumento de preços dos veículos de transporte de passageiros "chapas".

Várias notícias, ainda não confirmadas, referem a existência de protestos populares contra os aumentos de preços, o que está a provocar receio na população quanto à possibilidade de se repetirem as manifestações violentas registadas em 2008 e 2010, aquando da tentativa de aumentos de preços dos "chapas", que provocaram vários mortos.

Com os novos preços, registou-se uma subida de cinco meticais (0,13 cêntimos de euro) para sete meticais (0,18 cêntimos de euro) no preço de viagem nos autocarros do Estado e de 7,5 (0,21 cêntimos de euro) para nove meticais (0,24 cêntimos de euro) no transporte público dos operadores privados.