Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Aumento do desemprego em Cabo Verde é fruto da crise internacional, diz primeiro-ministro

Lusa

  • 333

Cidade da Praia, 02 mai (Lusa) - O aumento da taxa de desemprego em Cabo Verde deve-se à atual crise internacional, defendeu hoje o primeiro-ministro cabo-verdiano, que argumentou que se não fossem as atuais políticas a falta de emprego seria muito maior.

José Maria Neves, que falava aos jornalistas à margem do lançamento do canal Internacional da Televisão de Cabo Verde (TCV), admitiu que a crise económica mundial tem tido um impacto "grande" no arquipélago, sobretudo no setor imobiliário e, consequentemente, na área da construção civil.

Sexta-feira, o Instituto Nacional de Estatística (INE) cabo-verdiano divulgou os dados sobre o emprego em Cabo Verde, indicando que, de 2011 para 2012, a taxa de desemprego subiu de 12,7% para 16,8% da população ativa, sendo próxima dos 30% entre os jovens.