Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Aumento de procura de drogas ilícitas na UE devido à crise -- relatório

Lusa

  • 333

Bruxelas, 13 mar (Lusa) -- A crise económica deverá ter um impacto importante no mercado dos estupefacientes, nomeadamente num aumento da procura de drogas ilícitas, segundo um estudo publicado hoje pela Comissão Europeia, que pretende avançar com legislação mais punitiva.

O relatório revela que, para ganhar dinheiro, cada vez mais jovens se dedicam à venda ou mesmo ao cultivo de droga - especialmente o cultivo doméstico de canábis - e, por outro lado, a crise económica deverá igualmente provocar uma redução dos fundos consagrados à política de luta contra a droga, em especial no que respeita aos tratamentos e às medidas de redução dos efeitos nocivos.

"O estudo de hoje é um alerta para a Europa: para reduzir a oferta de droga e lutar contra o tráfico ilícito, temos de reduzir o número de toxicodependentes, não só através da prevenção, mas também através de tratamento", declarou a comissária europeia da Justiça.