Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Auditoria durará 13 meses e abrangerá os últimos 17 anos do Sporting

Lusa

  • 333

Lisboa, 09 out (Lusa) -- A auditoria à gestão do Sporting irá durar 13 meses e analisará o período entre início da presidência de Santana Lopes, a junho de 1995, e o final da liderança de Godinho Lopes, a março deste ano.

Num comunicado publicado no seu site oficial, o Sporting revelou que os contornos do processo de auditoria à recente gestão do clube foram anunciados aos sócios na última Assembleia-Geral, realizada sexta-feira, pelo presidente do Conselho Fiscal e Disciplinar (CFD), Jorge Bacelar Gouveia.

"Catorze empresas manifestaram o seu interesse em receber o caderno de encargos para apresentação de proposta tendo o Sporting recebido dez respostas dentro do prazo estabelecido para o efeito [30 de Setembro]. Neste momento, o CFD está a fazer uma análise das propostas apresentadas, mas adiantou aos associados que a auditoria terá cinco fases e quatro áreas distintas [Gestão Imobiliária, Gestão Desportiva, Gestão de Fornecimento de Bens Serviços e Gestão de Recursos Humanos]", lê-se no comunicado.