Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ativista tunisina do grupo Femen vai aguardar julgamento em liberdade - advogado

Lusa

  • 333

Tunes, 01 ago (Lusa) - A justiça tunisina ordenou hoje a libertação da ativista do grupo Femen Amina Sboui que irá aguardar em liberdade o julgamento do seu processo por profanação de cemitério, disse um dos seus advogados, Halim Meddeb, à agência France Presse.

"Ela será libertada dentro de algumas horas. Não esperava", disse o advogado, precisando que se mantém contra a jovem a acusação de profanação de cemitério por ter escrito a palavra "Femen" num muro para denunciar uma concentração de salafistas.

"É uma grande surpresa", sublinhou o advogado, adiantando que a libertação foi ordenada pelo tribunal de Sousse, cidade a cerca de 140 quilómetros de Tunes.