Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ativista Myriam Zaluar foi absolvida do crime de desobediência qualificada

Lusa

  • 333

Lisboa, 05 abr (Lusa) -- A jornalista "freelancer" e ex-ativista do Movimento Sem Emprego (MSE) Myriam Zaluar foi hoje absolvida pelo Tribunal de Pequena Instância de Lisboa do crime de desobediência qualificada por ter participado num protesto sem autorização.

Myriam Zaluar integrou um grupo do MSE que, em março de 2012, distribuiu panfletos e realizou uma inscrição coletiva de desempregados no Centro de Emprego do Condo de Redondo, em Lisboa, para chamar a atenção do número de pessoas que não têm emprego e não fazem parte das listas do número de desempregados.

A ação motivou a intervenção da PSP, que identificou Myriam Zaluar por estar a organizar uma manifestação sem autorização.