Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Até 15 mil soldados estrangeiros poderão ficar no Afeganistão depois de 2014

Lusa

  • 333

Cabul, Afeganistão, 21 nov (Lusa) -- O Presidente afegão, Hamid Karzai, disse hoje que entre 10 mil e 15 mil soldados estrangeiros poderão ficar no Afeganistão após a retirada da NATO, no final de 2014, se um acordo de segurança com os EUA for assinado.

Karzai precisou que as tropas poderão ser norte-americanas, mas também originárias de outros países, como a Turquia.

O Presidente afegão falava perante a Loya Jirga, a assembleia tradicional afegã (com 2.500 representantes da sociedade afegã), que analisará até domingo em Cabul o acordo bilateral de segurança negociado nos últimos meses entre os Estados Unidos e o Afeganistão.