Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ataques dos EUA com drones já causaram a morte a 4.700 pessoas -- Senador

Lusa

  • 333

Washington, 21 fev (Lusa) -- O senador republicano Lindsey Graham disse que 4.700 pessoas morreram na sequência de ataques dos Estados Unidos com aviões não tripulados, na primeira referência de um legislador norte-americano ao número de vítimas de operações com drones.

Durante uma conferência, Graham observou, citado na quarta-feira pelo diário Easley Patch, da Carolina do Sul, que os ataques com drones causaram por vezes a morte a "inocentes, algo deplorável", reconhecendo, no entanto, que se está perante situações de guerra e que os Estados Unidos conseguiram "desfazer-se de alguns dos mais importantes membros da Al-Qaida" através desses ataques.

O número de vítimas dos ataques norte-americanos com drones revelado por Graham foi o primeiro a ser avançado por um congressista ou funcionário do Governo dos Estados Unidos sobre este tipo de operação, que é desenvolvida secretamente.