Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Asteróide que vai "rasar" a Terra poderia render milhares de milhões de euros em água e metais

Lusa

  • 333

Washington, 15 fev (Lusa) - O asteróide que vai "rasar" hoje a Terra poderia valer quase 150 mil milhões em água e metais, estima uma empresa norte-americana que antecipa uma "febre do ouro" em corpos celestes num futuro próximo.

A Deep Space Industries estima que o asteróide rochoso e metálico 2012 DA14, que passará hoje a 28 mil quilómetros da Terra - uma distância ínfima, em termos astronómicos -, poderia valer 48 mil milhões de euros em água recuperável e 97.700 milhões de euros em metais.

Estes números poderão fomentar uma "nova febre do ouro" num futuro não muito distante, disse o diretor da empresa, Stephen Covey, à agência Efe, antecipando que os asteróides mais próximos da Terra serão os mais apetecíveis.