Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Associações empresariais do Algarve admitem recorrer a tribunais para evitar criação de taxa turística

Lusa

  • 333

Faro, 13 nov (Lusa) -- As associações empresariais do Algarve estão contra uma taxa turística na região e dispostas a recorrer aos tribunais para travá-la, por considerarem que servirá para resolver problemas financeiros das autarquias, em vez de ajudar população carenciada.

A posição foi hoje assumida pela Associação de Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA), Associação Empresarial da Região do Algarve (NERA), Associação dos Industriais Hoteleiros e Similares do Algarve (AHISA), Confederação dos Empresários do Algarve (CEAL), Associação do Comércio e Serviços da Região do Algarve (ACRAL) e pela Associação Nacional de Jovens Empresários (ANJE).

As associações empresariais consideram que a intenção anunciada pelos municípios de ajudar quem mais precisa é "nobre", mas alertam que a taxa irá afetar negativamente o turismo da região.