Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Assembleia Municipal de Braga termina sem deputados do PS e independentes

Lusa

  • 333

Braga, 23 nov (Lusa) - Os deputados do PS e do Cidadania em Movimento (CEM) à Assembleia Municipal de Braga abandonaram os trabalhos na primeira sessão da "nova era", acusando a mesa de "inexperiência" e a nova maioria de direita de "tiques autoritários".

O incidente aconteceu depois de a mesa não ter aceitado um voto de protesto apresentado pela bancada socialista, na sequência da discussão do primeiro ponto da agenda, relativo às novas taxas de derrama, decorriam duas horas de plenário.

Em declarações aos jornalistas no final da sessão, que chegou a ser interrompida, tendo depois prosseguido apenas com os deputados do PSD, CDS, PPM e CDU, a presidente daquele órgão, Hortense Santos, afirmou que "tudo correu com normalidade", enquanto PSD e CDS acusaram os socialistas de "mau perder", de fazerem "birra" e terem uma atitude que "em nada dignifica" um órgão autárquico.