Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Arsene Wenger não ficou surpreendido com o anúncio da saída de Alex Ferguson

Lusa

  • 333

Londres, 13 mai (Lusa) -- O treinador da equipa de futebol do Arsenal de Londres, Arsene Wenger, revelou hoje que o anúncio da saída de Alex Ferguson do Manchester United, na passada quarta-feira, não o surpreendeu.

O técnico francês, que ao longo de 17 anos ao serviço do Arsenal rivalizou com Ferguson na Premier League, admitiu que já havia detetado "sinais" ao longo da atual época de que a saída do escocês estaria para breve.

"Eu disse à minha equipa há muito tempo que este seria a última época de Alex Ferguson, por isso eu não fiquei completamente surpreendido", revelou o treinador.