Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Arribas/Algarve: Derrocadas controladas em 40 praias desde acidente de Maria Luísa, em 2009

Lusa

  • 333

Faro, 18 ago (Lusa) -- As autoridades já provocaram derrocadas controladas em 40 praias algarvias nos três anos que decorreram desde o desmoronamento de um penedo na Praia Maria Luísa, Albufeira, que resultou na morte de cinco pessoas, disse à Lusa fonte da ARH/Algarve.

O desmoronamento ocorreu há precisamente três anos, às 12:00 do dia 21 de agosto de 2009, resultando na morte de cinco pessoas e ferimentos em outras duas, no que constituiu o maior acidente com arribas no país desde que há registos oficiais.

Desde então, a Administração da Região Hidrográfica do Algarve (ARH/Algarve) procedeu a 40 derrocadas controladas, isto é, a intervenções de saneamento que têm por fim antecipar a queda natural de uma arriba ou penedo (leixão) em maior risco.