Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Armstrong: Agência Mundial Antidopagem diz que confissão nada trouxe de novo

Lusa

  • 333

Adelaide, Austrália, 18 jan (Lusa) -- O presidente da Agência Mundial Antidopagem (AMA), John Fahey, reagiu hoje à confissão do uso de doping por parte de Lance Armstrong, referindo que não trouxe nada de novo.

Fahey definiu a confissão como um ato "controlado de relações públicas" e que o ciclista norte-americano se limitou a confirmar na entrevista a Oprah Winfrey detalhes que já eram do conhecimento público.

"Do meu ponto de vista não há nada de novo. Tudo o que ele fez foi confirmar o que a Agência Antidopagem do Estados Unidos tinha relvado há uns meses, de forma substancial e irrefutável", considerou o presidente da AMA.