Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Arménio Carlos acusa governo de estar obcecado pelo números e ignorar pessoas

Lusa

  • 333

Lisboa, 16 fev (Lusa)- O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, acusou hoje o Governo de "estar obcecado com os números" e de ignorar as pessoas ao querer aplicar aos pensionistas a Contribuição Extraordinária de Solidariedade de forma definitiva.

Arménio Carlos disse aos jornalistas que não entende como é que o Governo quer impor uma medida que conta com a oposição de todas as forças políticas da esquerda à direita.

O líder da CGTP comentava uma notícia do semanário Expresso de hoje que fala da intenção do Governo de cortar de forma definitiva as pensões acima dos 1.350 euros, às quais está a ser aplicada a Contribuição Extraordinária de Solidariedade.