Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

AR/Censura: PS acusa CDS de ser "partido bailarino"

Lusa

  • 333

Lisboa, 03 abr (Lusa) - O líder parlamentar do PS acusou hoje o CDS de ser "um partido bailarino" e com elevada capacidade de "contorcionismo", estando simultaneamente com um pé dentro do Governo e outro na oposição.

Carlos Zorrinho falava no final do debate da moção de censura do PS ao Governo, logo depois de o ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros e presidente do CDS-PP, Paulo Portas, ter encerrado o período de intervenções por parte do executivo.

O presidente da bancada socialista disse que, ao longo do debate da moção de censura do PS ao Governo, o CDS desempenhou "um estranho papel".