Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

AR: Pedido de suspensão de funções de Ricardo Rodrigues "tardio", mas "melhor do que nada"

Lusa

  • 333

Porto, 28 jun (Lusa) - O conselheiro de Estado Marcelo Rebelo de Sousa considerou hoje que o pedido do deputado do PS Ricardo Rodrigues para suspender funções enquanto vice-líder parlamentar socialista "foi tardio", mas "melhor do que nada".

À margem da apresentação da obra "Tratado de Lisboa - Anotado e Comentado", no Palácio da Bolsa, no Porto, Marcelo Rebelo de Sousa, questionado pela agência Lusa, considerou que foi tardia a atitude do deputado do PS Ricardo Rodrigues, que pediu quarta-feira a suspensão das suas funções enquanto vice-presidente da direção parlamentar socialista até ao trânsito em julgado do processo qmovido por dois jornalistas da revista "Sábado", no qual foi condenado a uma pena de multa, por lhes ter retirado dois gravadores durante uma entrevista.

"Eu diria que é melhor do que nada, em muitos casos não se tem feito sequer isso e, portanto, nesse aspeto é um pequeno passo positivo. Espero é que as pessoas percebam que, no futuro, a responsabilidade dos políticos tem que ser muitíssimo maior para que os cidadãos acreditem neles", defendeu.