Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

António Arnaut quer PS "coerente com valores" para "libertar povo da opressão".

Lusa

  • 333

Coimbra, 19 abr (Lusa) -- O socialista António Arnaut, que há 40 anos esteve na fundação do PS, exortou hoje o partido a ser "coerente com os seus valores", considerando que lhe cabe "libertar o povo da opressão".

"Se o socialismo científico implodiu, tal como a União Soviética, e se o neoliberalismo arrastou para a miséria, para a pobreza e para o desemprego milhões e milhões de pessoas na Europa, então é altura de os partidos socialistas se imporem", defendeu o militante número 4 do PS.

António Arnaut falava aos jornalistas, em Coimbra, à entrada do pavilhão do Olivais, onde decorre o jantar comemorativo dos 40 Anos do PS, em que participam vários fundadores, devendo nele intervir o secretário-geral do partido, António José Seguro, e outros dirigentes.