Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Antigo secretário do Comité Olímpico da Áustria condenado a cinco anos de prisão

Lusa

  • 333

Viena, 12 jul (Lusa) - O antigo secretário-geral do Comité Olímpico da Áustria (OOC) Heinz Jungwirth foi condenado a cinco anos de prisão, acusado de desfalcar 3,3 milhões de euros, confirmou hoje a justiça austríaca.

O Tribunal Superior de Viena rejeitou os recursos e os pedidos para a redução da pena apresentados pela defesa de Jungwirth, que durante anos foi considerado um dos homens mais poderosos da Áustria.

A justiça deu como provado que o austríaco, de 61 anos, desviou dinheiro das contas do OOC, entre 2003 e 2009, para fins particulares, como a compra de veículos de luxo, de cavalos de corrida e um pavilhão de equitação privado.