Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Antigo diplomata dos EUA alega visitar Coreia do Norte de forma "independente" de Washington

Lusa

  • 333

Pequim, 07 jan (Lusa) - O antigo diplomata norte-americano Bill Richardson afirmou hoje em Pequim, antes da sua partida para Pyongyang, que a sua deslocação à Coreia do Norte, com o patrão da Google, Eric Schmidt, é "independente do Governo" de Washington.

"Trata-se de uma missão humanitária privada, independente do Governo norte-americano", declarou Richardson aos jornalistas, depois de o departamento de Estado norte-americano ter manifestado reservas sobre esta viagem.

O antigo embaixador dos Estados Unidos nas Nações Unidas explicou que ficará em Pyongyang "provavelmente dois dias e meio", havendo a possibilidade de sair da cidade, mas que só o saberá à chegada.