Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Antigo chefe da polícia mexicana declara-se culpado de conspiração por narcotráfico

Lusa

  • 333

Washington, 02 mar (Lusa) -- O antigo comandante da polícia do estado de Tamaulipas e membro do cartel do Golfo, Gilberto Lerma Plata, declarou-se hoje culpado de conspiração por narcotráfico de marijuana e cocaína para os Estados Unidos, informou hoje o Departamento de Justiça.

Lerma Plata, de 50 anos, declarou-se culpado das acusações apresentadas contra si em julho de 2011 numa audiência num tribunal federal norte-americano perante a juíza Colleen Kollar-Kotelly.

A 29 de julho de 2011, Lerma Plata foi acusado de conspirar para a produção e distribuição de pelo menos cinco quilos de cocaína e mil quilos de marijuana, que seriam importados nos Estados Unidos, indicou o Departamento de Justiça num comunicado.