Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Angra do Heroísmo: Ex-presidente e vereadores podem ser obrigados a repôr 260 mil euros - Tribunal de Contas

Lusa

  • 333

Ponta Delgada, 10 jul (Lusa) -- A ex-presidente da Câmara de Angra do Heroísmo, dois autarcas do PS e um do CDS-PP da anterior vereação e um diretor regional podem ser obrigados a repor de forma solidária cerca de 260 mil euros à autarquia.

Essa possibilidade consta de um anteprojeto de relatório do Tribunal de Contas relativo a uma auditoria à Câmara de Angra do Heroísmo, na Terceira, Açores, a que a Lusa teve hoje acesso, e resulta de um contrato-programa que a autarquia celebrou com a Associação Cultural Angrense.

Os responsáveis, segundo este documento, são Andreia Cardoso, na altura presidente do município eleita pelo PS, os vereadores socialistas Francisco Cota Rodrigues e Raquel Silva, o vereador do CDS-PP, Artur Lima, que é também líder regional do partido, e o diretor regional de Organização e Administração Pública, Vítor Santos.