Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Angola/Eleições: Jornal de Angola criticou comunicado da embaixada dos Estados Unidos em editorial

Lusa

  • 333

Luanda, 24 ago (Lusa) - O diário estatal Jornal de Angola critica no seu editorial de hoje o comunicado distribuído há dois dias pela embaixada dos Estados Unidos, em que acusa esta representação diplomática de falta de cortesia para com a Comissão Nacional Eleitoral (CNE).

No comunicado divulgado há dois dias em Luanda, o Governo norte-americano exortou a CNE a "credenciar imediatamente" os observadores eleitorais, designadamente os das organizações da sociedade civil angolana e chamou a atenção para os atrasos no credenciamento de "outros observadores internacionais", nomeadamente elementos do corpo diplomático acreditado na capital angolana.

No editorial de hoje, sob o título "Coligações negativas", o Jornal de Angola escreve que a campanha eleitoral para as eleições gerais de 31 deste mês "entrou numa fase decisiva e inopinadamente entraram em cena atores que pertencem a outros espetáculos, com menos luzes da ribalta e sobretudo sem o ridículo próprio das comédias sem graça".