Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Amnistia Internacional prevê clima de restrições durante eleições no Zimbabué

Lusa

  • 333

Joanesburgo, 12 jul (Lusa) - As eleições gerais no Zimbabué, previstas para 31 de julho, vão decorrer num clima de restrição de liberdades políticas, sublinha hoje um relatório da Amnistia Internacional.

A organização não-governamental apela aos observadores estrangeiros, nomeadamente africanos já no terreno, para que monitorizem os locais de voto e respetivas áreas envolventes, advertindo que é neste perímetro que têm lugar as mais graves fraudes e ações de violência e que os eleitores poderão ser intimidados ou vítimas de pressão.

A Amnistia Internacional alertou também que não há garantias de que o escrutínio de 31 de julho esteja imune ao risco de repetição da onda de violência registada nas eleições de 2008.