Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ambiente: Crises económicas refletem insustentabilidade do modelo de desenvolvimento - Especialista

Lusa

  • 333

Lisboa, 20 set (Lusa) - As crises económicas dos últimos anos são uma manifestação da insustentabilidade do modelo de desenvolvimento seguido na maior parte dos países, defendeu hoje Filipe Duarte Santos, apontando sinais como desigualdades sociais ou escassez de água e de alimentos.

"Estamos a viver tempos difíceis e a situação de crescimento económico baixo, estagnação ou decrescimento, que se verifica na maioria dos países desenvolvidos, como na União Europeia, nos Estados Unidos e no Japão, não vai passar rapidamente", disse hoje à agência Lusa o especialista em ambiente e alterações climáticas.

Para o professor da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, trata-se de "um problema estrutural que, em parte, está relacionado com a insustentabilidade do atual modelo de desenvolvimento que existe à escala global".