Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Alunos de Coimbra digitalizaram 10 mil páginas de documentos sobre Estado Novo

Lusa

  • 333

Coimbra, 20 jun (Lusa) - Estudantes de Coimbra terminaram hoje a primeira fase de um projeto que retrata, sobretudo, o Estado Novo, após a digitalização de mais de 10 mil páginas de documentos históricos, disse à Lusa o coordenador do projeto.

Os alunos são finalistas da licenciatura em Comunicação Social do Instituto Superior Miguel Torga (ISMT), que concluíram hoje simbolicamente uma maratona de 24 horas de digitalização de documentos oriundos do Arquivo Distrital de Coimbra, informou Dinis Alves.

A primeira fase do projeto "Coimbra D" durou seis meses e incluiu trabalhos de digitalização, catalogação e tratamento de milhares de documentos que datam do início do século XX até à década de 70, centrando-se sobretudo entre os anos 30 e 60, acrescentou o docente do ISMT.