Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Almunia otimista sobre reestruturação dos bancos portugueses, incluindo Banif

Lusa

  • 333

Bruxelas, 29 mai (Lusa) -- O comissário europeu da Concorrência considerou hoje que, depois de um "arranque" difícil, o processo de reestruturação dos bancos portugueses prossegue agora em bom ritmo, e disse acreditar num desfecho rápido, incluindo o "caso especial" do Banif.

Em declarações à Lusa, em Bruxelas, Joaquin Almunia comentou que "os planos de reestruturação podem ser negociados num prazo de tempo muito curto, desde que haja cooperação entre as duas partes" e, "no caso do processo de reestruturação dos bancos portugueses, é verdade que ao princípio foi custoso colocar o processo em marcha", e não por culpa de Bruxelas, que tem lidado com dezenas de casos.

"Sinceramente, não penso que tenha sido por responsabilidade da Comissão. Resolvemos mais de 60 casos de reestruturação de bancos desde o início da crise, estamos a trabalhar em cerca de 30 planos de reestruturação simultaneamente, e em muitos outros casos as negociações foram mais rápidas que em Portugal", sustentou.