Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ajuda externa: Situação de Portugal mostra ineficácia da austeridade - Conf. Europeia Sindicatos

Lusa

  • 333

Bruxelas, 04 set (Lusa) -- A Confederação Europeia de Sindicatos (CES) considerou hoje que a atual situação de Portugal mostra claramente a ineficácia das medidas de austeridade impostas pela 'troika' no quadro do programa de assistência, e apelou a uma "mudança radical" de políticas.

"Por ocasião da quinta missão de avaliação do plano de resgate de Portugal pelos representantes da 'troika' (Comissão Europeia, Fundo Monetário Internacional e Banco Central Europeu), a CES soa o alarme relativamente ao prosseguimento das medidas de austeridade e dos seus efeitos negativos sobre a vida e o futuro dos trabalhadores e dos cidadãos portugueses", lê-se num comunicado hoje divulgado em Bruxelas pela organização sindical.

Segundo a confederação de sindicatos europeus -- que integra as centrais sindicais portuguesas CGTP e UGT -, as medidas impostas pela 'troika' desde 2011 em troca de um empréstimo de 78 mil milhões de euros a três anos "são não apenas ineficazes como contraproducentes".