Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ajuda externa: Sindicato diz que funcionários públicos são bode expiatório

Lusa

  • 333

Lisboa, 14 jun (Lusa) - O coordenador da Federação Sindical da Administração Pública disse hoje estar preocupado com a carta de intenções apresentada à 'troika' pelo Governo, realçando que, "mais uma vez", os trabalhadores da administração pública são o "bode expiatório".

"O relatório aborda uma série de problemas, nomeadamente os da diminuição da despesa pública à custa da pretensa despesa dos trabalhadores da administração pública. Nós temos de nos insurgir, pois somos o bode expiatório de todos os problemas", salientou à agência Lusa o dirigente da Federação Sindical da Administração Pública (FESAP), Jorge Nobre dos Santos.

A 03 de maio, o Governo enviou uma carta à 'troika' em que especificava as medidas da reforma do Estado até 2015, apontando para um corte cumulativo de 4,7 mil milhões de euros neste horizonte temporal.