Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ajuda Externa: Governo compromete-se a tomar "medidas de contingência" em 2013 se houver nova derrapagem orçamental

Lusa

  • 333

Lisboa, 25 out (Lusa) -- O Governo português compromete-se a tomar "as medidas de contingência necessárias" em 2013 no caso de uma nova derrapagem orçamental.

Na quinta revisão do memorando de entendimento com Portugal, hoje divulgada pelo Fundo Monetário Internacional (FMI), o Governo português explica as medidas através das quais tenciona cumprir a meta revista para o défice orçamental em 2013 (5 por cento do PIB)

Essas medidas são as constantes da proposta de Orçamento do Estado para 2013, que o Executivo garante serem "concebidas com vista a limitar o seu impacto sobre o crescimento e a proteger os segmentos mais pobres" da população.