Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ajuda Externa: Forçar o défice de 4,5% este ano é suicida - CGTP

Lusa

  • 333

Lisboa, 02 set (Lusa) -- A CGTP considera que a aplicação de mais medidas de austeridade para que Portugal tente cumprir o défice de 4,5 por cento este ano "é suicida" e defende a renegociação da dívida, bem como medidas dinamizadoras da procura interna.

Na proposta da Central sindical que será apresentada na segunda-feira aos representantes da 'troika', a que a Lusa teve acesso, a CGTP advoga que "continuar com mais política de austeridade aprofunda a recessão e querer forçar o cumprimento do défice [de 4,5 por cento] este ano é suicida".

"A execução orçamental referente aos sete primeiros meses de 2012 confirma o afastamento face ao objetivo de atingir um défice orçamental de 4,5 por cento no final do ano e as perspetivas para 2013 não são favoráveis", lembram.