Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ajuda externa: CGTP admite avançar para greve geral

Lusa

  • 333

Lisboa, 11 set (Lusa) -- O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, admitiu hoje que a convocação de uma greve geral é um dos cenários que estará em cima da mesa na reunião do Conselho Nacional de quarta-feira.

"A CGTP admite avançar para esse e para outros cenários que neste momento se justificam, considerando as políticas que o Governo está a desenvolver e que constituem uma declaração de guerra aos trabalhadores, reformados e pensionistas, aos jovens e aos desempregados, bem como aos micro e pequenos empresários", disse à Lusa o sindicalista.

A comissão executiva da CGTP convocou para quarta-feira uma reunião extraordinária do Conselho Nacional, onde além de abordar as medidas anunciadas pelo Governo na sexta-feira irá analisar as declarações do ministro das Finanças, Vítor Gaspar, que realiza hoje uma conferência de imprensa.