Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ajuda Externa: Berta Cabral (PSD) insiste na revisão do memorando para minimizar impacto da austeridade nos Açores

Lusa

  • 333

Ponta Delgada, 11 set (Lusa) -- A candidata do PSD/Açores à presidência do Governo Regional, Berta Cabral, reafirmou hoje que só revendo o memorando de entendimento assinado entre os governos da Região e da República se poderá minimizar o impacto da austeridade no arquipélago.

"Agora, mais do que nunca, é importante rever o memorando que foi assinado entre o Governo Regional do PS e o Governo da República, porque só revendo o memorando é que podemos minimizar o impacto das medidas", afirmou Berta Cabral, numa declaração à Lusa a comentar o anúncio de novas medidas de austeridade feito hoje pelo ministro das Finanças.

Berta Cabral, que é também líder do PSD/Açores, recordou que "desde agosto" tem vindo a afirmar que não permite que "os Açores sejam reféns de Lisboa".