Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Água: Exceção na gestão de rios com Espanha exige acordo dos dois países - Nunes Correia

Lusa

  • 333

Lisboa, 08 jul (Lusa) - O antigo ministro do Ambiente Nunes Correia defendeu hoje que Portugal "não pode descurar nem um dia" a relação com Espanha relativa à água, alertando que exceções na gestão dos rios têm de ser decididas pelos dois países.

"Há uma situação de seca em Espanha, que neste momento é bastante mais grave do que em Portugal, e a Convenção de Albufeira prevê um regime de exceção, definido de forma muito objetiva", disse à agência Lusa Francisco Nunes Correia.

O especialista explicou que a Convenção de Albufeira, que rege a gestão dos caudais dos rios partilhados pelos dois países, estipula que, "quando se entra em regime de exceção, e isso é verificável porque está definido, Espanha tem de sentar-se à mesa com Portugal para acordar como se vai gerir" a situação.