Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Agricultura: Estado deve 7 milhões às entidades que garantem sanidade animal - Organizações

Lusa

  • 333

Viseu, 12 jun (Lusa) - Uma dívida de sete milhões de euros do Estado aos Agrupamentos de Defesa Sanitária (ADS) está a criar "dificuldades" para garantir o funcionamento das equipas de controlo sanitário animal, disse hoje à Lusa fonte da União Nacional dos ADS.

As equipas dos 107 ADS que existem em Portugal são responsáveis pela recolha de amostras de sangue e soros nos animais para o controlo de doenças como a brucelose e a leucose e ainda pelo despiste da tubercolose, todas elas com potencial de transmissão ao homem.

O vice-presidente da União Nacional dos ADS, Álvares de Carvalho, explicou à Lusa que a dívida "resulta de pagamentos por efetuar há cerca de um ano" a estas associações, atualmente denominadas Organizações de Produtores Pecuários (OPP).