Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Agricultura: Deputada irlandesa defende pagamentos "mais justos" para pequenos agricultores portugueses

Lusa

  • 333

Espinho, 01 jun (Lusa) - A deputada irlandesa Michaela Boyle defendeu hoje em Espinho que na Irlanda e em Portugal se vivem problemas similares ao nível da Política Agrícola Comum, cuja reforma deve dar prioridade a um tratamento "mais justo" para com o pequeno agricultor.

Numa conferência sobre a reforma da Política Agrícola Comum (PAC) promovida pela Esquerda Unitária Europeia/Esquerda Verde Nórdica, a responsável do Sinn Féin afirmou: "Os problemas que o meu povo enfrenta na Irlanda ao nível da indústria agrícola são similares aos que existem aqui em Portugal. Relacionam-se sobretudo com os pagamentos diretos, a definição do que é a pequena agricultura, a criação de gado e produção leiteira, e a exploração a que as grandes multinacionais sujeitam os pequenos agricultores, até os enterrarem no chão".

Michaela Boyle realça que o prolema "mais gritante" atualmente é o do preço do leite. "É demasiado baixo e deixa os produtores numa situação de grande pobreza", e nesse contexto considera: "Vejo as coisas muito sombrias para os agricultores da Irlanda".