Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Agências de notação financeira podem receber mais queixas das autoridades dos EUA

Lusa

  • 333

Nova Iorque, 09 fev (Lusa) -- O Estado de Nova Iorque está a estudar a apresentação de queixas contra as agências de notação financeira Moody's e Fitch, depois de o Governo Federal o ter feito contra a Standard and Poor's (S&P), informou na sexta-feira a AFP.

A cotação da ação da McGraw-Hill, a empresa que integra a S&P, caiu 27% esta semana e a da Moody's 22 por cento. A Fitch, empresa detida pelos franceses da Fimalac e os norte-americanos da Hearst, não está cotada na bolsa de valores.

"Os investidores venderam as suas ações [das agências de notação] de forma agressiva, receosos que o problema com o Departamento de Justiça se agrave", comentou um estratega bolsista da Wedbush Securities, Michael James.