Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Agência Mundial Antidopagem admite conivência do sistema com Armstrong

Lusa

  • 333

Wellington, Nova Zelândia, 11 out (Lusa) -- O presidente da Agência Mundial Antidoping (WADA), David Howman, admitiu hoje que o norte-americano Lance Armstrong se envolveu num sistema sofisticado "provavelmente com o conhecimento" dos responsáveis pelos controlos.

Numa entrevista à estação de rádio neozelandesa Livesport Radio, Howman considerou que o Armstrong terá contado com a colaboração de elementos responsáveis pelos controlos, as mesmas que o norte-americano insiste que nunca detetaram qualquer substância.

"O que parece ter acontecido neste caso é que as provas passaram sempre por debaixo dos narizes das pessoas que tinham responsabilidades em detetá-las. Provavelmente, isso sucedeu com o conhecimento dessas mesmas pessoas", considerou o responsável da WADA.