Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

África Ocidental promete apoios para sucesso de reformas na Defesa e Segurança da Guiné-Bissau

Lusa

  • 333

Bissau, 07 nov (Lusa) - O presidente da comissão da CEDEAO (Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental) prometeu hoje que a organização mobilizará "todos os apoios internos e externos" para o sucesso da reforma das forças de Defesa e Segurança da Guiné-Bissau.

Kadré Désiré Ouedraogo falava hoje em Bissau, no âmbito de uma curta visita para assinar com a Guiné-Bissau um acordo, segundo o qual a organização regional disponibiliza 49,2 milhões de euros ao país para a reforma das forças de Defesa e Segurança, nomeadamente para pensões e melhorias de instalações militares.

A questão da reforma das forças de Defesa e Segurança há muito que é falada em Bissau, mas até agora ainda não avançou. O responsável da CEDEAO lembrou que a ideia foi proposta "há muito" pela Guiné-Bissau numa reunião em Genebra e "considerada pela comunidade internacional como de importância capital para a paz, estabilidade e desenvolvimento socioeconómico da Guiné-Bissau".