Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Afeganistão: Hillary Clinton defende que transição deverá ser "irreversível"

Lusa

  • 333

Tóquio, 08 jul (Lusa) -- A Secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, afirmou hoje em Tóquio que os avanços na segurança e no sentido da transição no Afeganistão deverão ser "irreversíveis" e elogiou o empenho do Governo de Cabul no combate à corrupção.

Na sua intervenção durante a sessão plenária da Conferência de Tóquio sobre o Afeganistão, Clinton salientou que para consolidar a transição democrática e a segurança daquele país "não basta o fim da guerra", sendo também necessário desenvolvimento económico.

"Temos de assegurar a cooperação firme de quatro grupos: o Governo e o povo afegãos, a comunidade internacional, os países vizinhos do Afeganistão e o setor privado", apontou.