Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Administração da RTP quer "rigoroso cumprimento" de dever de confidencialidade

Lusa

  • 333

Lisboa, 08 fev (Lusa) -- A administração da RTP emitiu hoje uma ordem de serviço relativa ao dever de confidencialidade que tem como objetivo "recomendar o seu rigoroso cumprimento", lembrando que o incumprimento tem sido "sistemático" e constitui "infração disciplinar".

"Tal incumprimento está refletido em inúmeras declarações públicas proferidas por quem não tem legitimidade para tal, e cujo conteúdo conflitua com o necessário cumprimento daquele dever", pode ler-se no documento, a que a Lusa teve acesso.

A ordem de serviço entra em vigor a partir de hoje e republica outra instrução de 30 de julho de 2003 sobre o mesmo tema, que inicia com a indicação de que "a obrigação de não divulgar informações referentes à organização, métodos de trabalho, negócios e atividades da RTP é um dos deveres que integram a relação jurídica de trabalho subordinado".