Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Adiado início de julgamento de antigo ditador da Guatemala acusado de genocídio

Lusa

  • 333

Cidade da Guatemala, 10 mar (Lusa) -- Um tribunal de recurso da Guatemala decidiu, este sábado, a favor do antigo ditador José Efrain Rios Montt, suspendendo o início do julgamento por genocídio e crimes de guerra previsto para o próximo dia 19, indicaram fontes oficiais.

O advogado Hector Reyes, um dos autores da denúncia contra Rios Montt, disse aos jornalistas que a decisão "atrasa o início do julgamento", mas que se trata apenas de uma "formalidade processual".

O tribunal deferiu assim o recurso interposto pela defesa do antigo general na reserva, de 86 anos, não tendo sido ainda fixada nova data para o arranque do julgamento.