Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

ADI recusa avançar com nova proposta para primeiro-ministro em São Tomé e Príncipe

Lusa

  • 333

São Tomé, 08 dez (Lusa) - O partido Ação Democrática Independente (ADI) garantiu hoje que não vai submeter uma nova figura para a chefia do Governo são-tomense, depois de ver rejeitado na sexta-feira o nome do ex-primeiro-ministro Patrice Trovoada pelo Presidente.

Em conferência de imprensa hoje, na sede do seu partido, Patrice Trovoada, presidente do ADI, garantiu ainda que a comissão política do seu partido orientou os deputados para não retomarem a sua participação nas atividades parlamentares enquanto a crise persistir.

"A ADI fez uma proposta que é aquela que é mais justa e que permitirá o retorno a normalidade. Enquanto não houver sinais de que as pessoas querem de facto dialogar e encontrar em conjunto vias de sair da crise, em vez de impor, a ADI manterá suspensos os seus trabalhos a nível do parlamento", disse Patrice Trovoada.