Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Açores: Carlos César diz que é preciso resistir à "tendência de desproteção" dos cidadãos

Lusa

  • 333

Ponta Delgada, 12 jul (Lusa) - O presidente do Governo dos Açores, Carlos César, defendeu hoje a necessidade de "resistir à tendência de desproteção dos cidadãos", especialmente num tempo de dificuldades económicas "que se adensam", sem que se vislumbre uma recuperação.

"É possível fazer, como o temos comprovado nos Açores, um percurso inverso, sem deixar de reconhecer as dificuldades que temos", afirmou Carlos César, que falava na cerimónia de inauguração de uma creche e atelier de tempos livres na freguesia dos Arrifes, em Ponta Delgada, com capacidade para oito dezenas de crianças.

O presidente do executivo regional salientou que os tempos são de dificuldades, sendo de esperar uma degradação das condições económicas e de apoio social nos estados membros na União Europeia, considerando, por isso, importante "onde e quando se possa, resistir à tendência de desproteção dos cidadãos".