Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Abertas assembleias de voto para as presidenciais em Madagáscar

Lusa

  • 333

Antananarivo, 25 out (Lusa) -- As assembleias de voto abriram hoje em Madagáscar para eleições presidenciais que visam restaurar a democracia e acabar com a crise política e económica que se seguiu ao golpe de Estado de março de 2009.

Cerca de 7,8 milhões de eleitores são chamados a ir hoje às urnas, cujo encerramento está previsto para as 17:00 (15:00 em Lisboa).

Entre os 33 candidatos não se encontram nem o atual homem forte do país, Andry Rajoelina, nem o ex-presidente Marc Ravalomanana, exilado na África do Sul deposto há quatro anos por Rajoelina, com o apoio do exército.