Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Abertas assembleias de voto no Egito para referendo sobre controverso projeto de Constituição

Lusa

  • 333

Cairo, 15 dez (Lusa) - As assembleias de voto abriram, esta manhã, no Egito, com mais de 51 milhões de egípcios a serem chamados a dizer 'sim' ou 'não' num referendo a um projeto de Constituição que divide profundamente o país.

As assembleias de voto abriram no Cairo, Alexandria e em oito outras províncias para a primeira ronda de votação, sendo que o resto do país deve exercer o seu direito de voto a 22 de dezembro.

O referendo deveria realizar-se apenas num dia, mas as autoridades egípcias acabaram por decidir que a consulta seria hoje e em 22 de dezembro, numa tentativa de atenuar a ausência de muitos juízes, que anunciaram um boicote à votação.