Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Abandono escolar precoce em Portugal atingiu 23,2% em 2011, 3.º pior registo da UE - Bruxelas

Lusa

  • 333

Estrasburgo, 20 nov (Lusa) -- O abandono escolar precoce em Portugal atingiu os 23,2% em 2011, o terceiro pior registo entre os Estados-membros da União Europeia (UE), apesar de ter recuado nos últimos anos, avançou hoje a Comissão Europeia.

De acordo com os dados divulgados hoje pelo executivo comunitário no âmbito da apresentação da estratégia designada "Repensar a Educação", o abandono escolar precoce "situa-se em níveis inaceitavelmente elevados em vários Estados-membros" da UE, com destaque para Malta (33,5%), Espanha (26,5%) e Portugal (23,2%), sendo a média da União a 27 de 13,5%.

No caso português, a Comissão Europeia afirma que, apesar de o abandono escolar precoce atingir um nível elevado, "o desempenho melhorou significativamente durante o período 2006-2011", precisando que, em 2006, o abandono escolar precoce ascendia a 39,1%.