Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

AAC ameaça cortar relações com a Académica OAF por causa do futsal

Lusa

  • 333

Coimbra, 09 out (Lusa) - A Associação Académica de Coimbra (AAC) ameaçou hoje cortar relações com a Académica - Organismo Autónomo de Futebol (OAF) se a sua direção não repor "a verdade" sobre a cedência dos direitos desportivos da modalidade de futsal.

Numa conferência de imprensa realizada esta tarde, o presidente da estrutura académica, Ricardo Morgado, exigiu que a direção do OAF se retrate, "repondo a verdade dos factos relativos à questão do futsal, explicando se os transferiu [direitos desportivos] para a AAC, sabendo ou não que era competência dos seus sócios".

A cedência dos direitos desportivos da Académica OAF à "casa mãe" foi ratificada segunda-feira em assembleia geral, depois de muita controvérsia entre os sócios e a direção liderada por José Eduardo Simões, que em junho cedeu os direitos à AAC sem consultar os sócios.