Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

A guerra contra o terrorismo tem de continuar -- Leon Panetta

Lusa

  • 333

Lisboa, 15 jan (Lusa) - A guerra contra o terrorismo permitiu desarticular a liderança da Al-Qaida e comprometer a sua capacidade para cometer grandes atentados, mas o trabalho não está terminado, afirmou hoje o secretário da Defesa norte-americano, Leon Panetta.

Panetta, que falava numa conferência de imprensa em Lisboa, foi questionado sobre se, no final do mandato, mantém que "a Al-Qaida está à beira da derrota estratégica", como afirmou ao tomar posse, há menos de dois anos.

O secretário da Defesa, que em 2011 supervisionou, enquanto diretor da CIA, a operação para matar Usama Bin Laden, afirmou "acreditar firmemente" que os esforços dos Estados Unidos na perseguição à liderança da Al-Qaida permitiram retirar capacidade à rede terrorista para montar grandes atentados terroristas e que, por isso, "os EUA estão mais seguros".