Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

2012: Portugueses gastam menos 2,3 mil milhões em carros novos em dois anos

Lusa

  • 333

Lisboa, 13 dez (Lusa) -- A compra de carros em Portugal caiu mais de 2,3 mil milhões de euros em dois anos, fruto de uma queda abrupta no consumo interno e devido à austeridade imposta pela assistência da 'troika' ao país.

Segundo dados da Associação Automóvel de Portugal (ACAP), em 2011 e 2012 o mercado automóvel 'perdeu' vendas de 128 mil automóveis novos, provocando o encerramento de centenas de concessionários e vários despedimentos ainda não contabilizados.

No início deste ano, a ACAP alertava que, perante a crise instalada, 2012 seria o ano em que se previa o despedimento de 21 mil pessoas no setor e o encerramento de 2.600 empresas, uma perda direta de receita fiscal de cerca de 190 milhões de euros, "para além de todos os custos a nível social", o que configura uma "situação dramática para as empresas do setor" e isto quando se previa uma queda 18,5% do mercado automóvel face a 2011.